Entenda a relação da ansiedade com suas chances de engravidar

Publicado em: 2 de setembro de 2015

Entenda a relação da ansiedade com suas chances de engravidar

Quando um casal inicia um tratamento de reprodução assistida, normalmente, já passou por alguns períodos de dúvida, ansiedade e incerteza. A infertilidade pode acontecer tanto no homem quanto na mulher e é uma situação que ocorre com até 15% dos casais saudáveis.  Depois de um ano de tentativas sem conseguir uma gravidez natural o casal deve considerar a ajuda de uma equipe de médicos para investigar as causas e possíveis tratamentos. Atualmente muitas causas de infertilidade podem ser tratadas, e através de recursos específicos para cada caso, existe auxílio para gerar um bebê.

O fator psicológico é muito importante durante o tratamento para homens e mulheres. As mulheres, em geral, são as que mais sofrem neste sentido. Gerar um filho é uma cobrança natural, o fato de ter algum problema que impeça a gravidez mexe com suas emoções e sentimentos.

Efeitos da ansiedade no corpo

Do ponto de vista biológico, o cortisol, hormônio ligado ao estresse, é encontrado em níveis mais alto em pessoas com problemas para engravidar. Outra situação é que quanto mais estressada está a mulher, menores as chances de ovulação, dificultando ainda mais o tratamento. Já nos homens, as consequências do estresse podem levar à redução da quantidade de esperma e de volume do sêmen, e o excesso de ansiedade também pode resultar em falta de libido e de ereção.

Atitudes que ajudam a diminuir a ansiedade

E o que fazer quando a situação parecer cada dia mais difícil? Quem está tentando engravidar precisa encontrar algo que possa dividir a atenção com essa questão. Muitas pessoas vivem momentos de apatia na área profissional e emocional justamente pela demora em acontecer a gravidez, porém uma das formas de espantar a ansiedade é dedicar-se a outros interesses.

Os especialistas recomendam que os casais pratiquem exercício regularmente, pois as atividades físicas ajudam o organismo em muitos aspectos, principalmente no controle do estresse. Para que os níveis de ansiedade também sejam controlados é possível fazer sessões de relaxamento, como a meditação, e também algumas técnicas de acupuntura.

Saúde emocional

O atendimento psicológico também é incentivado, a conversa com um profissional da área de saúde emocional cria um ambiente adequado para compartilhar anseios, questionamentos e reflexões. Além de aliviar o estresse diário, o acompanhamento procura esclarecer dúvidas pontuais acerca do tratamento, auxiliando-os a lidar com medos e angústias, buscando diminuir a ansiedade nos pacientes.

Com a consciência de que o estresse pode estar entre as causas para a dificuldade de engravidar, os casais devem procurar assumir um novo estilo de vida que poderá ajudar no sucesso da gestação, natural ou assistida.

Para saber mais sobre assuntos relacionados à saúde reprodutiva leia outros artigos elaborados pela nossa equipe, acesse nosso arquivo de dicas e orientações e mantenha-se informado.

Conteúdo atualizado em: 12 de julho de 2017

 Agendar Consulta

Para agendar uma consulta preencha o formulário: