Publicado em 15/12/2021

Metformina ajuda a engravidar em quanto tempo?

metformina-ajuda-a-engravidar-em-quanto-tempo

O cloridrato de metformina, quando usado no tratamento da síndrome dos ovários policísticos (SOP), contribui para regular o ciclo menstrual e restabelecer a ovulação. Mas, antes de respondermos em quanto tempo a metformina ajuda a engravidar, é preciso esclarecer para quem o medicamento é indicado e como deve ser utilizado.

É sobre isso que falamos nesse artigo. Para saber mais, continue a leitura!

O que é a metformina?

metformina é um remédio oral usado para o controle da glicemia (taxa de açúcar no sangue). Trata-se de um dos principais medicamentos para o diabetes mellitus do tipo 2 (DM2),podendo ser administrado tanto como monoterapia, como associado a outro hipoglicemiante oral.

Pessoas com diabetes tipo 2 são capazes de produzir insulina (um hormônio fabricado pelo pâncreas). Porém, ela não funciona corretamente.

É aí que entra a metformina, a qual é responsável por otimizar (sem aumentar) a ação da insulina já produzida. Assim, o medicamento:

  • diminui a produção de glicose pelo fígado;
  • aumenta a sensibilidade dos tecidos à insulina;
  • reduz a absorção de glicose pelo trato gastrointestinal;
  • não provoca ganho de peso, como ocorre com outros antidiabéticos — o que faz dela a medicação de escolha para pacientes obesos;
  • apresenta efeitos benéficos na redução dos níveis de colesterol (LDL) e triglicerídeos;
  • reduz o risco da síndrome da hiperestimulação ovariana em tratamentos de infertilidade.

Quais são as contraindicações da metformina?

No que diz respeito às contraindicações, a metformina não pode ser administrada em pacientes com diabetes descontrolada e com alergia ao cloridrato de metformina ou a outros componentes da fórmula. Além disso, a medicação é contraindicada para pessoas com:

  • insuficiência renal avançada;
  • doença hepática grave;
  • doenças cardíacas;
  • desidratação grave;
  • pessoas que ingeriram grandes quantidades de álcool;
  • pessoas que realizaram cirurgias de grande porte; entre outras condições.

Quando a metformina é usada no tratamento da SOP?

Além do diabetes tipo 2, a metformina também tem outros empregos. É o caso da síndrome dos ovários policísticos, principalmente, para pacientes com alterações menstruais e sobrepeso ou obesidade.

Mas, como tomar metformina para SOP? Primeiramente, é preciso esclarecer que esse medicamento só tem indicação formal para o tratamento do diabetes tipo 2.

Para a SOP, trata-se de uma alternativa off-label, ou seja, usada, mas ainda sem validação científica. Em relação à dosagem, essa é prescrita pelo médico responsável, de acordo com as necessidades de cada paciente.

A metformina ajuda a engravidar em quanto tempo?

As principais características da SOP são a anovulação crônica e o hiperandrogenismo. Na prática, a síndrome provoca a estimulação inadequada dos ovários, inibindo a maturação folicular e, consequentemente, a liberação dos óvulos.

Quando usada no tratamento da SOP, a metformina regula os ciclos menstruais e permite voltar a ovular, aumentando as chances de engravidar. Além disso, ela diminui o risco de abortamento.

Caso a paciente engravide, a manutenção ou suspensão do medicamento durante a gestação deve ser definida com cautela, ficando a critério do obstetra responsável.

Quais são os efeitos colaterais da metformina?

A metformina pode gerar alguns efeitos colaterais. São eles: diarreia, náuseas, vômitos, perda de apetite e alterações no paladar (gosto metálico na boca). Já a hipoglicemia, comum em outros medicamentos de diabetes, é bastante rara.

Mas atenção: nunca tome um medicamento sem indicação médica. Caso deseje melhorar sua fertilidade, procure um especialista em reprodução humana.

Para conseguir engravidar com SOP, é necessário combinar outros tratamentos?

Para a paciente com SOP conseguir engravidar, muitas vezes, é necessário realizar um tratamento de reprodução assistida, como a indução da ovulação com coito programado. Isso porque, a metformina, apesar de ajudar a regular os ciclos menstruais, não é um medicamento indutor de ovulação.

Assim, em mulheres com tolerância à glicose reduzida, recomenda-se associar a metformina ao clomifene ou ao letrozol — esses, sim, indutores. Nessa abordagem, a metformina entra como adjuvante, para melhorar a indução da ovulação devido a uma série de ações (incluindo a redução dos níveis de insulina).

Mas, você pode se perguntar, a terapêutica à base de metformina ajuda a engravidar em quanto tempo? Estudos apontam que, após seis meses, há um considerável aumento das taxas de fertilidade. No entanto, isso vale para grupos bem específicos: mulheres obesas e com hiperinsulinemia.

Para concluir, além de ter respondido em quanto tempo a metformina ajuda a engravidar, esperamos ter esclarecido outras questões. Mas, vale ressaltar que boa parte dos benefícios gerados pela medicação podem ser obtidos por meio de melhorias no estilo de vida, tais como uma dieta balanceada associada a exercícios físicos regulares, com foco na perda de peso. Essas medidas, aliás, são a primeira linha de tratamento para a SOP. Então, se você pretende engravidar, coloque-as em prática quanto antes!

Ainda tem dúvidas sobre o assunto? Não se preocupe: entre em contato para que nosso time de especialistas possa respondê-las.

Inscreva-se em nossa newsletter.

Receba mais informações sobre cuidados para a saúde em seu e-mail.

Publicado por: Dr. Marcelo Costa Ferreira - Ginecologista - CRM/SC 7223 e RQE 2935
Formado em Medicina pela FURB, Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia, Especialização em Reprodução Humana no Centro de Referência da  Saúde da Mulher em São Paulo e Especialização em Reprodução Assistida

Filtre por temas:

Filtre pelo formato de conteúdo

Assine nossa newsletter!

    Assine nossa newsletter!

      (48) 3024-2523

      Rua Menino Deus, 63 Sala 302. Baía Sul Medical Center - Centro CEP: 88020-203 – Florianópolis – SC

      Diretor técnico médico: Dr Jean Louis Maillard - CRM-SC 9987 RQE 5605

      Nosso material tem caráter meramente informativo e não deve ser utilizado para realizar autodiagnóstico, autotratamento ou automedicação. Em caso de dúvidas , consulte o seu médico.

      Termos e Serviços
      2021 © Clínica Fecondare - Todos os direito Reservados
      Desenvolvido por esaude