Publicado em 05/10/2019 - Atualizado 26/11/2019

O Câncer e a Fertilidade Feminina

e-book-o-cancer-e-a-fertilidade-feminina

“O câncer e a fertilidade feminina” é uma leitura que deveria ser feita por toda mulher. O conteúdo é muito importante, tanto para preservar a fertilidade feminina em mulheres que passam ou passaram pelo câncer, assim como para compreender melhor a relação entre as duas coisas.

Mas, o que vamos encontrar ao fazer a leitura desse material?

Fertilidade feminina e o câncer: qual a relação?

O câncer de mama é uma das doenças extremamente recorrente no sexo feminino e vem acometendo mulheres cada vez mais jovens. Além do câncer de mama, outros tipos de tumores femininos, como câncer no colo do útero, câncer no cólon, reto, pulmão e tireoide, estão a cada dia mais presentes no universo da mulher. 

O grande problema é que, além de complicações que possam vir a surgir em decorrência da doença, a forma de tratá-las, na maioria das vezes, pode causar infertilidade feminina.

Isso acontece, pois, uma das principais vias medicamentosas utilizadas para tratar o câncer, a ciclofosfamida, juntamente com outros agentes da quimioterapia, são indicadores capazes de reduzir a velocidade ou até mesmo interromper o crescimento das células reprodutivas

Logo, as glândulas responsáveis pela produção dos hormônios sexuais femininos são intensamente afetadas e, nesse processo, é muito comum que a mulher possa ter sua fertilidade comprometida, após o tratamento do câncer. 

Oncofertilidade e a preservação da fertilidade feminina

No entanto, graças ao ramo da medicina que estuda e desenvolve inúmeras opções para os casos de mulheres inférteis, está também o que chamamos de oncofertilidade. Graças à essa intervenção, após o tratamento do câncer, a paciente que foi diagnosticada com infertilidade pode alterar esse quadro. 

Ao ler esse e-book você entenderá de que forma isso acontece e como esses procedimentos são realizados. Além disso, há toda uma descrição e orientação fundamental para elucidar sobre todas as ferramentas disponíveis para preservar a fertilidade feminina em pacientes oncológicas.

Como é possível preservar a fertilidade da mulher com câncer?

Dentre as técnicas disponíveis para preservar a fertilidade feminina da paciente com câncer, podemos citar, com ênfase, a criopreservação. Sem dúvida, essa é uma das técnicas mais realizadas pelas clínicas de reprodução humana. Esse caminho para preservar a fertilidade feminina da paciente pode ser feito de algumas maneiras:

  • criopreservação de embriões;
  • criopreservação de oócitos maduros;
  • criopreservação de tecido ovariano.

Para entender melhor sobre o uso de todas essas técnicas para auxiliar a paciente com câncer, acompanhe o material, que discorre a respeito de forma detalhada e clara. 

Além disso, sobre a criopreservação em si, você pode fazer a leitura do e-book “Criopreservação de Óvulos”. É uma leitura muito rica, que vai te esclarecer muito sobre essa ferramenta incrível.

Ficou curioso sobre o tema? Baixe o e-book agora mesmo e compreenda, de forma rápida e precisa, como lidar com a fertilidade feminina e o câncer ao mesmo tempo. Essa é uma leitura prazerosa, leve e muito eficaz.

Baixar E-book

Inscreva-se em nossa newsletter.

Receba mais informações sobre cuidados para a saúde em seu e-mail.

Publicado por: Webmaster

Filtre por temas:

Filtre pelo formato de conteúdo

Assine nossa newsletter!

    Assine nossa newsletter!

      (48) 3024-2523

      Rua Menino Deus, 63 Sala 302. Baía Sul Medical Center - Centro CEP: 88020-203 – Florianópolis – SC

      Diretor técnico médico: Dr Jean Louis Maillard - CRM-SC 9987 RQE 5605

      Nosso material tem caráter meramente informativo e não deve ser utilizado para realizar autodiagnóstico, autotratamento ou automedicação. Em caso de dúvidas , consulte o seu médico.

      Termos e Serviços
      2021 © Clínica Fecondare - Todos os direito Reservados
      Desenvolvido por esaude