Dra. Ana Lúcia B. Zarth comenta artigo científico que relaciona a internet e pacientes com diagnóstico de infertilidade

Publicado em: 26 de Janeiro de 2012

Dra. Ana Lúcia B. Zarth comenta artigo científico que relaciona a internet e pacientes com diagnóstico de infertilidade

A Dra. Ana Lúcia B. Zarth, ginecologista da Clínica Fecondare (CRM 8534), comenta sobre o artigo Patient-focused Internet interventions in reproductive medicine: a scoping review, publicado em 22 de Novembro de 2011 pela Human Reproduction. Confira o comentário da ginecologista a seguir.

O artigo apresenta a internet com seus sites médicos e ferramentas de busca como elemento de apoio e suporte a dúvidas para pacientes que apresentam diagnóstico de infertilidade. O propósito do trabalho é identificar, com foco nos pacientes que buscam tais informações, as principais categorias de propostas para tratar esses pacientes, a composição detalhada das propostas e como estas sugestões foram avaliadas. Foi efetuada uma busca na internet usando a expressão infertilidade e foram encontrados estudos, propostas de auto-ajuda, grupos de apoio on-line e serviços de aconselhamento.

A conclusão do trabalho é de que as informações e orientações apresentadas poderiam ser melhoradas em muito compondo seu arcabouço de métodos interativos e com alguma dinâmica como elementos-chave de consulta. É justificada a existência deste tipo de serviço, contudo ressalta-se a necessidade de promover uma melhora nos sites disponíveis. Buscar informações na internet tem o seu valor, mas há que se ter cuidado ao avaliar a informação que está sendo prestada. Artigos publicados em jornais e revistas, muitas vezes, possuem trechos que não compõem o todo da idéia a ser apresentada no trabalho. Portanto não deixe de consultar a internet, mas não a considere como uma fonte plena em si mesmo de informações consistentes. Consulte um profissional que esteja antenado com as pesquisas consagradas tanto no mundo acadêmico como pela comunidade médica internacional. O diálogo com um médico apontará caminhos para buscar a solução para o seu problema, fazendo um uso criterioso de métodos válidos e aplicáveis a cada caso. Há que se investigar criteriosamente o casal através de consultas e exames, efetuar o diagnóstico preciso e aplicar o tratamento adequado”.

Dra. Ana Lúcia B. Zarth – ginecologista da Clínica Fecondare (CRM 8534).

Conteúdo atualizado em: 3 de Maio de 2017

 Agendar Consulta

Para agendar uma consulta preencha o formulário: