O consumo de álcool afeta a fertilidade?

Publicado em: 1 de outubro de 2012

Muitos estudos associam o consumo de álcool pela mulher, seja moderado ou pesado – pelo menos mais do que três drinques por semana –  a uma maior dificuldade em engravidar naturalmente; ressalta-se também que o álcool afeta o desenvolvimento normal do feto. O consumo pesado de álcool está relacionado a uma menor produção de testosterona e de espermatozoides pelo homem, assim como à impotência sexual, afetando sim a sua capacidade reprodutora. A recomendação geral é abstinência durante o período de tentativas e durante toda a gestação.

Para mulheres que descendem de culturas que tem o hábito do vinho na refeição, não é necessária a mudança de sua rotina.

Conteúdo atualizado em: 12 de julho de 2017

 Agendar Consulta

Para agendar uma consulta preencha o formulário: