Como convencer o homem a fazer exames de fertilidade

Publicado em: 22 de Fevereiro de 2017

Como convencer o homem a fazer exames de fertilidade

A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirma que a causa da dificuldade para um casal  conseguir engravidar é 40% do homem, 40% da mulher e 20% se deve a outros fatores. A estatística tira da mulher o sentimento de que está somente nela o problema que  impede a gravidez, nem por isso faz com que os homens assumam que pode ser algo neles que está impossibilitando a concepção. Isso coloca as mulheres e também os médicos em uma situação difícil: ambos precisam saber como convencer o homem a fazer exames de fertilidade. O que fazer nessa situação?

O primeiro passo é dialogar. O homem pode não se sentir confortável em ter essa conversa no consultório do médico. Então, talvez seja melhor deixar para fazer isso em casa, em outro momento e não logo após a consulta. Na ocasião que considerar oportuna, pacientemente, sem se exaltar ou fazer acusações, a mulher pode questionar o parceiro sobre o motivo pelo qual não quer fazer os exames.

Quem sabe ele se sinta à vontade para expor o que o preocupa. Homem nenhum quer ser diagnosticado com um problema que o responsabiliza pela dificuldade de engravidar. É natural. Que mulher gostaria, afinal?

A recusa também pode estar relacionada ao desconforto associado ao exame. Ele pode estar com receio de não conseguir produzir a amostra de esperma no copinho. Sem contar que o diagnóstico da infertilidade o faz confrontar outra questão: a impotência. Essa relação precisa estar muito clara na mente masculina: um homem infértil não é, necessariamente, impotente, e vice-versa.

Dicas para saber como convencer o homem a fazer exames de fertilidade

O que mais é possível fazer para saber como convencer o homem a fazer exames de fertilidade é argumentar o quão mais fácil é diagnosticar e solucionar os problemas masculinos de fertilidade em comparação com as mulheres.

O homem aceitar fazer os exames está, de certa, forma, cuidando e protegendo sua parceira. O diagnóstico feminino é invasivo, caro e dolorido. Já a análise do esperma é rápida e prática, por isso é mais sensato investigar se a dificuldade para engravidar está relacionada ao homem antes de partir para a investigação na mulher.

Algumas clínicas de reprodução humana permitem que o homem faça a coleta da amostra de esperma em casa. Pode ser que isso o faça se sentir mais confortável e ajude a vencer a resistência em fazer o exame. Na consulta, o médico pode ser questionado a respeito dessa possibilidade.

O espermograma é imprescindível para qualquer tratamento de infertilidade. Um terço dos casos em que os casais enfrentam dificuldade para engravidar está ligado a problemas no homem. Descobrir o que não está propiciando a concepção torna mais fácil o tratamento.

Conteúdo atualizado em: 8 de Fevereiro de 2017

 Agendar Consulta

Para agendar uma consulta preencha o formulário: